Ser um Frade Franciscano

1 – QUE TAL SER UM FRANCISCANO HOJE?

O trabalho vocacional da Província Franciscana de Nossa Senhora da Assunção é feito através do Serviço Provincial do Cuidado Pastoral das Vocações e Benfeitores.
Os candidatos que desejarem conhecer a Ordem dos Frades Menores (Franciscanos) e a Província de Nossa Senhora da Assunção, presente nos estados do Maranhão e Piauí, no nordeste brasileiro, devem escrever para o endereço abaixo entrando em contato com Frei Wagner do Nascimento, animador vocacional provincial. Ou o candidato pode procurar os frades em cada paróquia, projeto social e fraternidade da Província.

E-mail: vocacoes@franciscanosmapi.org.br
2 – A VIDA RELIGIOSA FRANCISCANA

Quem entrar na Vida Religiosa Franciscana não tem como objetivo primeiro ser sacerdote. Tem, em primeiro lugar, a vontade de ser franciscano, ser irmão, ser frade.
O ideal de vida dos Franciscanos todos quer sejam eles sacerdotes ou não, é sempre o mesmo: seguir a Cristo, segundo o modelo de São Francisco de Assis.
O que todos os frades têm em comum é a mesma consagração religiosa, de serviço a Deus e aos irmãos.
Na fraternidade e em qualquer lugar em que os Franciscanos convivem, sacerdotes e não sacerdotes ajudam-se mutuamente, animam-se no mesmo caminho, convivem fraternalmente. Sua vida é uma vida de irmãos.
O Franciscano, no serviço à Igreja e à Comunidade religiosa e cristã, presta os mais diferentes serviços: dando aulas, assistindo aos doentes, trabalhando com o povo, catequizando, trabalhando no campo, inserido nas ações da CRB (Conferência dos Religiosos do Brasil), participando de movimentos populares, servindo nos trabalhos internos da Província.
Se o Franciscano assume o sacerdócio, seu serviço à Igreja será também o de pregação, administração dos sacramentos, de acompanhamento das comunidades cristãs dentro de uma determinada diocese.
3 – AS ETAPAS DA FORMAÇÃO NA PROVÍNCIA

Um candidato que deseja ser franciscano pela Província Franciscana de Nossa Senhora da Assunção terá que fazer uma preparação de um ano ao menos no grupo vocacional de sua cidade. Caso não seja possível, ele deverá estar sempre em contato com o promotor vocacional da Província. Em seguida, terá as seguintes etapas durante esta formação:

Postulantado (Bacabal-MA):

Ano de preparação mais intensa e apropriada para se colocar melhor diante da vida franciscana que se quer definitivamente abraçar. É um tempo para conhecer melhor a Província e as atividades dos frades. Para entrar nesta etapa de formação, é necessário que o candidato tenha terminado o Ensino Médio. Ao terminar este tempo de preparação que dura em torno de um ano, aqueles que se sentirem aptos e aprovados pela equipe de formação, pedem para ingressar no Noviciado para darem continuidade em sua caminhada vocacional. Nesse período o candidato mora em Bacabal-MA, na Fraternidade Santo Antonio.

Noviciado (Povoado Cerâmica CIL-Teresina-PI):

É o fundamento sobre o qual se constrói a verdadeira decisão e caminhada franciscana. É um tempo especial de uma vida intensa e profunda de oração pessoal e comunitária, de constante participação na Eucaristia, de trabalhos manuais da casa, como um valor imprescindível, de reflexão, confronto consigo mesmo e com o ideal a ser abraçado e estudo, pois é beber nas fontes – bíblicas e da espiritualidade franciscana, de conhecimento melhor a vida da Ordem Frades Menores e da Província e de vivência forte de fraternidade. O candidato recebe o hábito franciscano e o nome de “Frei”.
É também durante este tempo de noviciado, que o jovem franciscano se prepara para se consagrar a Deus através de uma vida de obediência, sem nada de próprio e em castidade. Enfim é um tempo de vivência dos valores fundamentais da vida religiosa franciscana. Ao final, o candidato sentindo-se preparado e aprovado pela equipe de formação faz o pedido para fazer sua Profissão Temporária dos Votos Evangélicos: Obediência, Castidade e Sem Nada de Próprio. Nesse período o candidato mora no Povoado Cerâmica CIL – Teresina-PI, na Fraternidade Lar São Francisco.

Juniorato (Teresina-PI ou São Luís-MA):

“O tempo da profissão temporária aperfeiçoa a formação inicial franciscana nos seus diversos aspectos, teóricos e práticos, para tornar o frade apto para levar mais integralmente a vida e a missão própria da Ordem no mundo de hoje, e para se preparar a emitir a Profissão Solene” (Ratio Formationis Franciscanae, 145).
A Profissão Temporária dos votos de consagração religiosa marca o término do noviciado e o início do juniorato que vai terminar com a profissão solene, após três a seis anos de vivência da vida própria da Ordem.
Essa vivência se dá nas cidades de Teresina-PI e São Luís-MA onde estamos presentes. Será nestes centros urbanos, com suas dificuldades e desafios, em que o jovem viverá sua consagração nos estudos, na oração, na vida fraterna e na vida pastoral.
Este é o tempo dedicado para formação acadêmica. Aqueles que irão seguir a vocação sacerdotal iniciam os estudos de Filosofia e Teologia. Para aqueles que não desejarem o presbiterato, podem fazer Filosofia e Teologia ou um outro curso profissionalizante nas mais diversas áreas das ciências humanas, sociais, exatas ou técnico.
A cada ano, o frade renova a sua profissão temporária juntamente com os outros frades que estejam nesta etapa de formação. O frade professo temporário se aprimora, busca se esmerar em suas qualidades e em seus conhecimentos, procurando qualificar-se devidamente para servir à Igreja, à Ordem e à sociedade, segundo as exigências do nosso tempo.
Depois deste tempo de formação, que vai de três a seis anos, o frade faz o pedido para a Profissão Solene na Ordem dos Frades Menores, entrando então na etapa da Formação Permanente.

A Formação Permanente

Com a Profissão Solene, termina o tempo da formação inicial e tem início a Formação Permanente, ou seja, o frade continua seu processo de formação, por toda a sua vida, reconhecendo que sempre se tem que aprender, formar-se, atualizar-se, recomeçar a exemplo de São Francisco, pois o seguimento de Jesus Cristo exige perseverança na aprendizagem, numa constante atitude de Menor e de discípulo aberto aos ensinamentos de Jesus Mestre, razão e sentido da Vida Religiosa Franciscana.

Enviado por: Provincia Franciscana MA/PI

 

1.PROVÍNCIA  DE SANTO ANTONIO DO BRASIL
RECIFE-PE
Frei Francisco Alexandre de Lima
Convento São Francisco
Largo do Cruzeiro de São Francisco s/n
CEP 41020-380 Salvador/BA
Fone: (71)3322-6430
xandeofm@yahoo.com.br2.PROVÍNCIA IMACULADA CONCEIÇÃO DO BRASIL
SÃO PAULO-SP
Frei Alex Sandro Ciarnoski
Frei Paulo Roberto Pereira
Frei Cesar Kullamp
C.P. 721   CEP 83600-970
Campo Largo/PR
Fone: (41)3291-6000
fcesark@yahoo.com.br
fralex@terra.com.br
fpaulopereira@hotmail.com

3.PROVÍNCIA  SANTA CRUZ DO BRASIL
BELO HORIZONTE-MG
Frei Jaime Eduardo Ribeiro
Frei Gilberto Teixeira da Silva
Av. Gabriel Passos-178
Bairro Santa Inês
CEP 32610-470- Betim/MG
Fone: (31)35311165
pazebem@uai.com.br
freijaime@hotmail.com
freigilbertoofm@hotmail.com

4.PROVÍNCIA SÃO FRANCISCO DE ASSIS
Frei Vanderlei Batiista Feil
Centro Vocacional
Cx. P. 22 CEP 96540-000-Agudo/RS
Fone: (55)3265-1272  (51)81655715
pvofmrs@yahoo.com.br
pazvander@hotmail.com

5.PROVÍNCIA SANTÍSSIMO NOME DE JESUS
ANÁPOLIS-GO
Frei Ronaldo Alves Silva
Seminário Regina Minorun
Cx. P. 461  CEP 75001-970
Anápolis/GO
Fone: (62) 3161-633/3324-5641
frateralves@yahoo.com.br
pvofmgoias@terra.com.br

6.PROVÍNCIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO DO BRASIL
BACABAL-MA
Frei Gilberto Magno da Cruz
Cx. P. 120 CEP 64001-970
Teresina/PI
Fone: (86)3219-4994/99379472
freigilberto@franciscanosmapi.org.br

7. CUSTÓDIA DAS SETE ALEGRIAS DE NOSSA SENHORA
CAMPO GRANDE-MS
Frei Arcides Luiz Favaretto
Cx. P. 237  CEP 78700-970
Rondonópolis/MT
Fone: (66)3426-6770/99847086
mifravoc@terra.com.br

8. FUNDAÇÃO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA
UBERLÂNDIA-MG
Frei Elipídio Júnior
Augusto Diniz,239- Fátima-Araguari
CEP 38442-148
Fone: (34)91678911
vocfran@hotmail.com
elpidiojunior@hotmail.com

9. FUNDAÇÃO MISSIONÁRIA FRANCISCANA NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS
Frei Erivelto Pereira de Passos
Cx. P. 60  CEP 64800-000
Floriano/PI
Fone: (89)3522-1380/3521-1254
frerivelton@yahoo.com.br
ofm_floriano@yahoo.com.br
10.PROVÍNCIA CUSTÓDIA SÃO BENEDITO DA MAZÔNIA
SANTARÉM-PA
Frei Haroldo Pimentel de Miranda Júnior
Cx. P. 191 CEP 68100-970
Fone: (93) 3521-3277
haroldotapajos@gmail.com

 

Enviado por: PROVÍNCIA FRANCISCANA